quinta-feira, 17 de abril de 2008

JESUS ERA HOMOSEXUAL

Seguida de uma longa lista de 396 pessoas, encontrei no meu inbox a seguinte mensagem:

Olá meus caros,
O filme intitulado 'Corpus Christis' ( O Corpo de Cristo ), que vai sair em
breve na América do Norte, mostra Jesus mantendo relações homossexuais com
os seus discípulos. A versão teatral já se apresentou. É uma paródia
repugnante de Jesus.
Uma ação concentrada da nossa parte poderia provavelmente mudar as coisas.
Você aceita juntar o seu Nome no fim da lista? Em caso afirmativo,
poderíamos evitar a projeção deste filme que não traz nada de positivo.
PRECISAMOS DE MUITOS NOMES em adesão a esta proposta
'Quem me confessar diante dos Homens, Eu o confessarei Diante de meu Pai,
que está nos Céus.'(Mt 10.32) 'Mas aquele que me negar diante dos homens,
Também eu o negarei diante de meu Pai que está nos céus.'(Mt 10.33
POR FAVOR: Não faça 'ENCAMINHAR' desta mensagem, mas sim:
SELECIONE TUDO, COPIE (Ctrl+C) e COLE (Ctrl+V) numa mensagem Nova. Depois,
acrescente o seu Nome no fim DA lista e envie-o a todos Os seus amigos. São
apenas 2 minutos para algo tão importante
Quando a lista chegar aos 500 nomes, envie-a a: homasg@softhome.net

Em resposta escrevi:
Oi grande ********
Duvido ter entendido a finalidade desse baixo assinado.Preciso entender se pretende-se banir o filme. Onde o filme sera banido, como e que assinaturas de pessoas de diversas nacionalidades determinarao esse banimento. Tenho muitas perguntas mas antes que seja mal interpretado nesse assunto preciso deixar claro que sou cristão assumido, protestante praticante. Penso que as pessoas tem a liberdadde de falar de falar oque eles bem pensam do nosso Senhor Jesus Cristo especialmente as que não o conhecem como caso dos produtores desse filme. Nossa responsabilidade deve ser de difundir a verdade e não de calar a mentira. Proibirmos que os que acham que Jesus foi homosexual digam e mostrem isso não nos ajudara muito pelo contrario nos vai gerar conflitos desnecessarios. Enquanto nos empenharmos a pregar e mostrar com nossas vidas oque Jesus foi e fez estaremos a calar os mentirosos de forma mais eficiente do que reunir milhares de assinaturas. Olhando para a vida de Jesus temos que prestar atenção na forma como ele lodou com os seus opositores. Jesus nunca saiu se defendendo, negando as acusações que lhe faziam, se preocupou isso sim em divulgar que ele era e deixou que os seus ouvintes julgasse e escolhessem. Oenso que essa devia ser a nossa postura. A diversidade de opniões ate que pode ser muito util para separar o trigo do Joio. A fidelidade de Adão nunca teria sido posta a prova se não ouvesse a sugestão de satanas. Por favor não me considerem heretico pois não sou. Acho que precisamos ser mais serios nas nossas crenças e não nos deixarmos abalar por um bando de fofkeiro que não tendo mais oque fazer, inventam um Jesus homosexual. Eu sei oque Jesus foi por isso não me aqueço nem arefeço com oque se possa inventar por ai.Na parabola do trigo e joio os empregados do farmeiro queriam arancar o joio como queremos fazer com esse baixo assinado mas o farmeiro disse para deixar que os dois crescessem juntos e que na hora de colheita o joio seria colhido para o fogo. Por isso deixem esses fofokeiros dizerem oque lhes vai na tola pois na horam de serem julgados, embora demasiado tarde, saberão que Jesus não foi homosexual coisissima nenhuma como eles dizem. Estou com muito medo de ser mal interpretado por isso gostaria de ter um feedback e que sabe podessemos ate ter um debate em torno da questão.
Abraço.
Nelson
P.s:Ainda não decidi mas estou a pensar deixar asse assunto la no meu mundo"

P.s:Não inclui a lista e retirei o nome da pessoa de quem recebi a mensagem e para quem aresposta foi dirigida em primeiro plano.

9 comentários:

ximbitane disse...

Costumo dizer assim, a minha fé é só minha, respeite-a para que eu respeite a sua (respeito sempre mesmo que você não respeite a minha)!

Acredito muito pouco no sucesso dessa empreitada, se valesse de algo, de certeza que ha muito teriamos feito um abaixo-assinado para a redução do combustivel, aumento dos salarios, melhores condições de sei lá o quê!

Quem não aguenta, que não o veja. Não é um filme que vai abalar a fé dos cristãos. Se assim fosse, nos Estados Unidos muitos fiéis teriam abandonado a Igreja devido aos escandalos de pedofilia.

Nelson disse...

Bem dito ximbitane. A nossa fe não deve se firmar no silêncio dos nossos opositores. Cristo que bem podia não calou a boca dos seus opositores pergunto-me porque seriamos mais zelozos que Deus que deixou os cães ladrarem enquanto a caravana passava. No final diz a biblia que cada um batia o seu peito dizendo. "verdadeiramente esse era filho de Deus.

JOSÉ disse...

É revoltante a leviandade com que muitos tentam achincalhar a figura de Jesus Cristo.

Nelson disse...

Caro Jose nao me surpreendo nem preocupo quando esse achincalhar vem de pessoas que nao conhecem Jesus. me lembro que na cruz ele pediu que o pai perdoasse aquela turba de malvados justamente porque nao sabiam o que estavam a fazer. Penso que deivamos ser menos zelosos que Jesus. Se ele pediu o perdao dos que faziam oque nao sabiam, deviamos lhe seguir o exemplo. Minha preocupacao comeca quando essas atitudes de machar o nome de jesus vem de pessoas que se dizem conhecer e seguir a Jesus.

Nelson disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nelson disse...

Prosseguindo com a questão da Homosexualidade de Jesus recebi no meu inbox uma mensagem com seguninte teor:

Caríssimo Nelson

Antes de entrar nos pormenores, permita-me pedir imensas desculpas pela demora a responder a sua reflexão, muita rica em ideias e “reflexões”, perdoe a repetição.

Ora, se me perguntares qual é a finalidade do baixo assinado que te enviei, falando sério, eu também não sei, pois, como podes ver, não sou o autor do mesmo, porque recebi de alguém e enviei a amigos. Como tu és um deles, aí apanhaste também.

Agora, se concordo com o abaixo-assinado ou com a sua posição em relação ao que se faz e diz de Jesus Cristo? É uma outra história!!! Eu tenho a minha fé, tu tens a tua fé, outros têm a sua fé. Respeito a fé e a crença dos outros e gosto que os outros respeitem a minha ideologia religiosa, também.

Eu não sou um fanático religioso. Sou um cristão católico com muito orgulho, mas mais modernista e com uma visão mais moderada sobre a fé. Assim vou vivendo a minha fé.

Falando no caso concreto de um eventual filme que profane a vida de Jesus, eu julgo que não estou nem interessado a ver. Isso não quer dizer que não veja. Porque possivelmente será um filme polémico e possa um dia ver para não estar fora da actualidade, mas sinceramente, nunca iria comprar com um dinheiro meu para assistir a uma infâmia e blasfémia contra a fé dos outros.

Eu concordo que nós não possamos tentar nos opor a que se produza e se divulgue um eventual filme que retrate que Jesus Cristo era homossexual, mas quem como Cristãos, e nessa condição, defensores da fé cristã, julgo que não podemos estar de braços cruzados.

O não ficar de braços cruzados aqui significa muita coisa: podemos rezar, jejuar, manifestar o nosso desacordo contra tais atitudes, praticar acções, sei lá… Mas que devemos estar de braços cruzados, isso eu creio.

Um dia, alguém me contou uma história segundo a qual, no Egipto, era sabido que os Israelitas tinham o Sábado como dia santo. Nesse dia perdoavam tudo e não podiam fazer absolutamente nada que fosse susceptível de ser profano. Então, os egípcios sabiam disso e quando chegasse o sábado preparavam os chicotes e batiam nos israelitas que não podiam reagir, porque era dia santo.

Era, é este o povo que deve servir ao Deus? É no silêncio que vamos mostrar o nosso testemunho de fé? É assim que vamos ser sal e luz do mundo?

Há quem diz como tu que Jesus nunca repeliu às maldades de que foi vítima, mas eu sei, da pouca experiencia religiosa que tenho, que um dia, Jesus cansado com as atitudes contra a casa de Deus, pegou em qualquer coisa e expulsou os homens de negócio, diga-se, com recurso a alguma violência.

Um pacifista que hoje não me lembro do seu nome, disse um dia como tu: Se tentares à força e não deu certo, então tenta sem violência. E eu digo que podemos dizer o mesmo mutantis mutadis: Se com sem violência não nos escutam, vamos gritar para saberem que estão nos magoando. Na verdade, quem ano chora, não mama!

Não estou aqui a dizer que um abaixo-assinado na internet resolva um problema, hoje quase generalizado de ridicularização e profanação de tudo. Não vamos fazer como os nossos irmãos muçulmanos que se manifestaram com violência contra actos que consideraram ofensivas a sua fé, mas também precisamos agir, de alguma maneira, meu caro Nelson.

Nossa obrigação é defender a nossa fé e neste momento, relativamente difícil ser cristão convicto, tentarmos ser o que nós sabemos que somos: Cristãos, testemunhos e soldados de Cristo.

Muito obrigado pela atenção e, espero voltarmos a falar em breve.

Abração de

Lida passe a seguinte resposta:

Oh Caro stou feliz por ter respondido.Espero que tenho ido dar uma vista de olhos ao meu blog pois acabei postando o assunto. Eu exijo seriedade por parte dos cristãos. Imagino que tal como disseste ignorar a finalidade do baixo assinado metade dos que estão nessa lista devem igualmente ignorar. Foi oque neguei... Circular uma lista pura e simplesmente para mostrar o meu descontentamento e no fim do dia não dar no nada.Pacifismo difere-se totalmente de passivismo. Para mim não se trata de ficar de braços cruzados mas se empenhar em dizer a verdade em vez de procurar calar a mentira. A tolerância foi uma das qualidades bem impressionantes em Jesus, deviamos lhe seguir o exemplo. Abraços

Nelson disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nelson disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nelson disse...

O debate continua no hotmail. Recebi essa manha o seguinte:

"Caro Nelson,
Obrigado pela prontidao e eficiencia na sua replica. A medida que vamos trocando ideias, sinto que estamos afunilando as ideias e no fundo acabaremos no mesmo ponto. Como sabes, eu te admiro pelas ideias muita criativas que tens espelhado em muitas abordagens. Neste caso, por exemplo, admito que Jesus Cristo tenha sido um grande pacifista. Mas tambem algum dia, cansado da dureza dos coracoes dos outros, tera sido, digamos, menos passivo e agiu. Eu, pessoalmente, fico cansado de tanta porcaria que se tem feito nesta vida em nome da modernidade e sei la mais o que e me apetece passar deste mundo para nao assistir ao Homem que se esta a eliminar impiedosamente.
Nao sei, meu caro Nelson, se a tua sugestao de accao podera resultar, porque eu acho que ha alguma contradicao, se calhar, na tua abordagem: falar a verdade, sem calar a mentira!!!. Eu acho que a verdade sempre cala a mentira.
Abracos"

Em resposta escrevi:

No meu entender em momento algum jesus foi passivista. Ele sempre foi de acção. A diferença esta no que Jesus priorizava. Ele nunca exisgiu por exemplo que se proclamasse que ele era filho de Deus. Nunca sugeriu que os seus milagres fossem publicitados. lendo os evangelhos com cuidado encontramos casos em que jesus ate exige que as pessoas curadas não digam nada a ninguem.
Quando ele sofre acusações, nã o vemos se defendo com tudo e todos argumentos que com certeza tinha. Em suma jesus não se preocupava la tanto com os seus opositores tinha os olhos fixos em sua missão, e não se deixava distrair por sua mesquinhisses.
Reitero que Jesus foi sim um pacifista mas nunca um passivista.

"Eu, pessoalmente, fico cansado de tanta porcaria que se tem feito nesta vida em nome da modernidade"
O que se diz por ai não pode ser considerado novo de jeito nenhum. Jesus foi chamando filho de Belzebu, que tirava demonios porque era demonio. Considero isso bem pior que considerar Jesus homossexual. Muitas vezes nos deixamos abalar por coisas que parecem demasiadas, mas se formos a olhar com atenção foram as mesmas com que Jesus teve que lidar. A modernidade a tecnologia so aumenta a difusão mas o mal no homem, esse desejo de escarnecer, existe desde o jardim de Eden.

"Nao sei, meu caro Nelson, se a tua sugestao de accao podera resultar, porque eu acho que ha alguma contradicao, se calhar, na tua abordagem: falar a verdade, sem calar a mentira!!!. Eu acho que a verdade sempre cala a mentira"

Vamos ver se clarifico meu raciocinio. Parto do principio que um facto não poder ser verdade e mentira ao mesmo tempo. Jesus não pode ser e não ser homosexual ao mesmo tempo. Sendo assim, enquanto saturamos o mundo com a verdade de quem Jesus foi, tiramos espaço para a difusão do que Jesus não foi. Se eu e voce não caimos nessa labia de que Jesus foi homosexual ê justamente por causa da verdade que existe em nôs. Então tal como Jesus fez, nossa prioridade deve ser de proclamarmos oque jesus foi, oque Jesus fez, nesse processo estaremos a calar a boca daqueles que trazem historias.
Para deixar bem claro meu pensamento vai uma analogia.
EM VEZ DE NOS PREOCUPARMOS EM TIRAR A ESCURIDÃO DA MENTE DOS HOMENS VAMOS NOS PREOCUPAR EM PÔR LUZ. NO FIM DO DIA TEMOS O MESMO RESULTADO. MENTES LIMPAS.

A diferença no entanto ê que ao pôrmos a luz não nos debatemos assim com tanta oposição como ao tentar tiras a escuridão.

Abraços cristãos.

P.S:Lembro-me doque o sabio salomão disse la em Proverbios. "Como o ferro com ferro se aguça, assim o homem afia o rosto do seu amigo.Provérbios 27:17" acredito que estamos nos aguçando.